Região Lombar: Causas - Luxação e Distensão

Uma luxação na coluna geralmente ocorre, quando os músculos que envolvem a coluna dorsal são ou esticados demais, ou levantam peso demais, ou se movem de tal forma a sofrerem muitos pequenos rompimentos. Como resultado do rompimento dos músculos e ligamentos, há normalmente uma pequena quantidade de sangue vertendo para dentro do músculo, do que resulta um inchaço dolorido, ocasionando espasmos musculares. Muitas vezes os músculos lesionados são muito sensíveis ao tato. Dor e espasmos são formas do corpo mostrar, que um músculo foi lesionado e necessitam de proteção contra ulteriores riscos.. Como resultado, você deveria evitar o uso dos músculos lesados durante essa fase de dor aguda e ajudá-los na recuperação descansando, aplicando compressas quentes ou frias e possivelmente fazendo leves massagens, para ajudar a acalmar os espasmos.

O dano efetivo que ocorre, quando alguém sofre uma luxação na coluna, pode ser bem variado. Os músculos que suportam a coluna dorsal e que movem a coluna vertebral podem estar machucados, bem como os ligamentos, que conectam os corpos vertebrais e formam fortes cápsulas ao redor da superfície das articulações, podem estar parcialmente rompidos e finalmente um pequeno deslocamento de um disco intervertebral, tudo isso pode ser a causa da dor. Em cada uma dessas situações o corpo humano tem normalmente condições de se curar sozinho e uma cirurgia será desnecessária, a menos que o tratamento dado seja inadequado.
Luxações nas costas e espasmos musculares são muito comuns e infelizmente não há uma cura imediata para esse tipo de ferimento. No entanto, a maioria das luxações nas costas pode ser eficazmente controlada mediante uma série de medicamentos antiinflamatórios, um curto período de repouso e depois um retorno gradual às atividades normais. Um programa de fisioterapia que inclui exercícios de alongamento e fortalecimento pode muitas vezes ajudar as pessoas a se recuperarem mais rapidamente e também a ensiná-las a usar técnicas e a desenvolver posturas ajustadas para evitar novas lesões no futuro. A maioria desses tratamentos é direcionada para reduzir os espasmos musculares e a dor, de modo que o paciente possa voltar às suas atividades diárias com um mínimo de desconforto.

Se você tem um leve desconforto nas suas costas e sente, que poderia ter sofrido uma luxação ou distensão, a evolução na maioria dos casos lhe será favorável, desde que fique atento a respeito de alguns sinais de aviso emitidos pela sua coluna e que lhe sugerem, que deveria consultar um médico. Eis alguns sinais:

    - Mudanças no funcionamento de seu intestino e bexiga, causando incontinência ou dificuldade de controlar seus movimentos intestinais.
  • - Fraqueza nos músculos de suas pernas, uma sensação de instabilidade, quando você caminha ou uma progressiva diminuição da distância que você pode caminhar.
  • - Dor e dormência que seguem ao longo das pernas, especialmente quando esse fenômeno se agrava ao espirrar, tossir ou sentar.
  • - Dor que acorda você à noite ou piora ao se deitar.
  • - Dor que é associada a febres, perda de peso ou quaisquer outros sinais que sugerem que o seu corpo inteiro não
    está bem.

Voltar